sexta-feira, 12 de março de 2010

Professores mantêm greve


veja mais notícias no link:
http://g1.globo.com/Noticias/SaoPaulo/0,,MUL1527155-5605,00-PROFESSORES+MANTEM+GREVE+E+MARCAM+NOVA+ASSEMBLEIA+PARA+A+PAULISTA.html
Veja mais sobre a greve, abaixo:
FAX APEOESP URGENTE http://www.apeoesp.org.br
• imprensa@apeoesp.org.br
Nº 29
12/03/2010
Diretoria da APEOESP
40 MIL PROFESSORES DECRETAM:A GREVE CONTINUA
Cerca de 40 mil professores reunidos em assembleia na sexta-feira,
12, decidiram dar continuidade à greve deflagrada no dia 5 de março. Os
professores tomaram todo o vão livre do MASP e as duas pistas da avenida
Paulista, desmoralizando a versão propagada pelo governo Serra e
setores da mídia de que a greve teria atingido apenas 1% dos professores.
Informes das subsedes durante a realização da reunião do Conselho Estadual
de Representantes garantiram que 80% dos professores de todo o Estado paralisaram suas atividades.
Logo após a assembléia, os grevistas dirigiram-se, em passeata, até a Praça
da República.Os professores aprovaram, ainda,
a realização de uma nova assembleia para a próxima sexta-
Principais eixos do nosso movimento:
Reajuste salarial imediato de 34,3%;
incorporação de todas as gratificações, extensiva aos aposentados;
por um plano de carreira justo; pela garantia de emprego;
contra as avaliações excludentes (provão dos ACTs/avaliação de mérito);
pela revogação das leis 1093,1041,1097;
concurso público de caráter classificatório;
contra as reformas do Ensino Médio;
contra a municipalização do ensino;
pela luta contra o PLC 1614 (avaliação nacional dos professores)
Reajuste de 34,3% já!

Salário, emprego, carreira, sim!Provinha e provão, não!
Os professores aprovaram, ainda, a realização de uma nova assembleia para a próxima sexta-feira, dia 19, a partir das 14 horas,novamente no vão livre do MASP
(avenida Paulista). O calendário aprovado prevê a realização, na próxima
quarta-feira, 17, de “pedágios” nas principais avenidas das cidades – ou
atos em praças públicas, panfletagem com carro de som etc, a critério de
cada subsede. A reunião do CER aprovou, e a assembleia referendou,
a sugestão da frase para as faixas a serem levadas aos pedágios: “Serra
mente para o povo/ A Educaçãopede socorro!”
Cartaz e carta à população
As subsedes da Capital e Grande São Paulo devem retirar suas cotas de cartazes e
cartas à comunidade escolar na segunda-feira, 15 de março, na Sede Central. Para o
interior, o material será encaminhado diretamente às subsedes.

NOTÍCIAS DA GREVE DOS PROFESSORES PAULISTAS


Professores protestam; adesão em Sorocaba é de 43 escolas
Jornal Cruzeiro do Sul - ‎há 16 horas‎
A adesão, apesar da Secretaria da Educação do Estado considerar apenas uma tentativa de greve, segundo o Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do ...
Greve política-Estadão
Paralisação avança, diz Apeoesp, e governo contesta Jornal Cruzeiro do Sul
Professores estaduais entram em greve hoje Jornal Cruzeiro do Sul Jornal Cruzeiro do Sul
Publicado em 11.03.2010

Governo Serra tenta conter greve ameaçando professores


Professores começam a conquistar apoio de pais contra Serra

Professores da rede estadual de SP iniciam greve