quinta-feira, 8 de julho de 2010

FAX URGENTE Apeoesp Nº 64

FAX URGENTE Apeoesp Nº 64-01/07/2010

http://www.apeoesp.org.br
• imprensa@apeoesp.org.br

Seminário sobre mídia propõe criação de

fórum permanente sobre comunicação


Cerca de 200 professores, conselheiros

e diretores da APEOESP participaram do Seminário

Mídia e os Movimentos Sociais realizado nesta quinta-feira, 1º de

julho, em hotel no centro de São Paulo. Com o objetivo de debater a

forma como as principais mídias realizam cobertura dos movimentos

populares, o Seminário contou com a participação de jornalistas da

imprensa alternativa, escritores, dirigentes de importantes entidades

sindicais e organizações não-governamentais.

Entre eles, contamos com a colaboração de Conceição Lemes (blog Viomundo), Fernanda

Campagnucci (Ação Educativa),Renato Rovai (Revista Forum),

Carlos Lopes (Jornal Hora do Povo),Marcelo Buzetto (MST), Vagner Freitas (CUT), Paulo Rogério Alves

(Rede Brasil Atual) e Alípio Freire(Jornal Brasil de Fato).

Todos foram unânimes em criticar a falta de isenção dos grandes

órgãos na cobertura dos movimentos,sempre na perspectiva de

criminalizá-los. A recente greve do Magistério foi forte exemplo desta

cobertura ditada pelos donos dos meios de comunicação. A íntegra do

Seminário pode ser conferida no site do Sindicato (www.apeoesp.org.br)

Criação de uma rede permanente

de comunicação alternativa

Após profícuo debate, uma comissão formada pela professora

Maria Izabel Azevedo Noronha (presidenta da APEOESP), Fábio

Santos Moraes (secretário geral da

APEOESP), Roberto Franklin de Leão (presidente da CNTE) e Maria

Lúcia Almeida (representante do CPP) esteve na redação da Folha

de S. Paulo e do O Estado de S. Paulo,onde protocolou carta afirmando

que “os meios de comunicação cumprirão melhor seu papel social

na medida em que não fechem os olhos para as injustiças sociais e tenham

ouvidos atentos às adversidades que acometem nosso povo e à

diversidade social do Brasil...” . A carta também será enviada aos demais

órgãos de imprensa.

Ainda como resultado do Seminário,

destacamos as próximas ações:

􀃂 CUT Nacional comprometeu-se com proposta da presidenta da

APEOESP de criação de um fórum permanente das entidades sindicais

e populares sobre comunicação;

􀃂 Realização de Seminários regionais nas macrorregiões da APEOESP;

􀃂 Criação de uma rede de comunicação alternativa entre as entidades

sindicais e do movimento popular;

􀃂 Sede Central encaminhará a todas as subsedes um kit contendo o

DVD com a íntegra do Seminário e publicação com textos analíticos

do Sindicato e dos palestrantes sobre o tema.

APEOESP), Roberto Franklin de

Leão (presidente da CNTE) e Maria

Lúcia Almeida (representante do

CPP) esteve na redação da Folha

de S. Paulo e do O Estado de S. Paulo,

onde protocolou carta afirmando

que “os meios de comunicação

cumprirão melhor seu papel social

na medida em que não fechem os

olhos para as injustiças sociais e tenham

ouvidos atentos às adversidades

que acometem nosso povo e à

diversidade social do Brasil...” . A carta

também será enviada aos demais

órgãos de imprensa.

Diretoria da APEOESP

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários sobre os temas abordados. Solicito que as discussões sejam de alto nível. Postagens ofensivas e com termos chulos, serão deletados